Notícias

Marcelo Guimarães desce para a categoria 77kg de olho no UFC


    (19/03/12)  

Marcelo ralou para conseguir atingir os 77kg, mas garante que se sente mais forte na nova categoria

Descer de peso é o grande drama dos lutadores de MMA. Não é à atoa, na semana anterior a um combate são cortados carboidratos e praticamente toda a alimentação. Mas um lutador capixaba passou por isso mesmo sem um combate marcado. No dia a dia pesando acima de 90 kg, o campeão do Jungle Fight na categoria até 84 kg Marcelo Guimarães resolveu mudar de categoria. Agora lutará na 77 kg (meio-médio), já de olho numa possível entrada no UFC, onde já teria tudo acertado para 2012.

Durante semanas, Magrão, como é conhecido no MMA, fez uma dieta específica para baixar para os 77 kg, objetivo que foi atingido nesta semana. De acordo com o lutador, ele se sentia pequeno perante os rivais de 84 kg, mas agora, uma categoria abaixo, talvez seja o maior dos lutadores, mudando um pouco a situação dentro do octógono.

"Eu via os caras da categoria 84 kg e me sentia muito menor. Então, nada melhor do que me sentir o maior em uma outra categoria, que é a 77 kg. Foi sofrido, tive muito trabalho para atingir o peso, mas senti que foi a minha melhor escolha", explicou o lutador, que se acha em melhores condições para essa categoria. "Bem treinado, vou fazer estragos nessa categoria", garante.

Após bater a meta, Guimarães fez uma simulação de cinco rounds, para testar a recuperação física após tanto tempo em dieta. E gostou do que viu. "Bati o peso e no outro dia fiz uma simulação de cinco rounds para ver como estaria. Me sai muito bem. Estava muito forte", garante Marcelo, que durante a semana pretende mandar o peso entre 88 e 89 kg, para então, ter que perder 11 kg entre uma luta e outra para bater os 77.

"Alguns lutadores dessa categoria precisam perder até 15 kg, então, eu perdendo 11, não é tanto assim. Eu sou bem seco. No dia a dia vou manter 88, no final de semana 89, e perco o peso para o combate. Agora, sim, o apelido Magrão vai fazer sentido", brincou.

No mês de fevereiro foi especulado que o lutador já teria tudo acertado com o UFC para lutar ainda em 2012. Mas Marcelo prefere não comentar sobre o assunto e garante que a perda de peso foi uma estratégia para a carreira. "Independentemente de UFC ou não, agora vou lutar na 77. Então, uma coisa não tem a ver com a outra".

Foto: Reprodução
Fonte: Portal Capixabão